Ouça agora

Educação

Compartilhe agora

Conecta Rede busca soluções tecnológicas para institutos federais

Postado em 16/12/2022 por Sistema Plug

img-page-categoria

Fonte imagem capa:© Luis Fortes/MEC

O Ministério da Educação (MEC) lançou hoje (15) o programa Conecta Rede, que busca ofertar soluções tecnológicas tanto de gestão quanto de ensino para os institutos federais (IFs), centros federais de educação tecnológica (Cefets) e o Colégio Pedro II. A ideia é trabalhar em rede, para que todas as instituições tenham acesso a inovações e possam melhorar o processo de ensino e aprendizagem.

Entre as soluções estão, por exemplo, sistemas para aulas remotas e para a oferta de diplomas digitais. Segundo o secretário de Educação Profissional e Tecnológica do MEC, Tomás Dias Sant'Ana, o objetivo do programa é “reconhecer nas instituições todo o potencial que a gente tem, as suas maiores dores e como se consegue resolver isso de forma conjunta, em rede, fazendo com que tivéssemos ganho de escala e ganhos de escopo”, disse.

O programa tem quatro frentes de atuação. A primeira delas é voltada para a prospecção e implantação de novas soluções para a educação profissional e tecnológica. Nessa frente, a ideia é que sejam feitos estudos de quais as melhores soluções tecnológicas para as instituições, além da modelagem de solução para a hospedagem de sites em ambiente de nuvem para as instituições.

A segunda frente é de entrega de novas soluções para as instituições. Nessa frente estão já em curso algumas ações como o Diploma Digital – que viabiliza o registro, a autenticação e a preservação da versão digital de diplomas acadêmicos de graduação, e a PataformaFor – que oferece, entre outras coisas, softwares e cursos de capacitação online. A intenção é que novas ações sejam incorporadas.

A terceira frente de atuação do programa é voltada para a capacitação, que vai acompanhar a implementação das ações com estudos e diagnósticos; e, a quarta, voltada para apoio à gestão do programa, que pretende mobilizar a equipe de gestão das instituições para o acompanhamento de todas as iniciativas, desde a concepção, implantação e monitoramento de resultados.

Ofertar soluções tecnológicas em rede, de acordo com gerente de soluções na Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), Roosevelt Benvindo, traz benefícios como a redução dos custos das iniciativas, a possibilidade de que mais instituições tenham acesso a determinadas soluções e o fortalecimento das inovações que muitas vezes ficam apenas em uma ou outra instituição.

“Há um ganho muito grande quando a gente trabalha em rede, quando a gente faz a oferta em rede. É obvio que fazer uma contratação para 44 institutos é diferente do que cada instituto fazer a sua própria contratação”, diz Benvindo. “As instituições que tem soluções que podem ser compartilhadas vão ter a oportunidade que as soluções saiam daquela ilha e participem de uma grande floresta”. 

O programa é desenvolvido pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) e pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP). As instituições interessadas em participar do programa devem preencher um termo de adesão que pode ser solicitado pelo endereço atendimento@rnp.br.

Edição: Fábio Massalli